Chuvas deixaram mais de 8,6 mil brasileiros desalojados nas últimas semanas

Escrito por em 01/12/2022

Previsão do Inmet é de mais temporais até 2ª feira; região Sul do país está sob alerta vermelho

Com previsão de novos temporais, Inmet coloca regiões de 23 unidades da federação em alerta laranja | Reprodução/EBC

Mais de 8,6 mil pessoas tiveram que deixar suas casas em decorrência das chuvas que atingiram diversas regiões do Brasil nas últimas semanas. E, segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), divulgados nesta 4ª feira (30.nov), a previsão é de mais temporais, pelo menos até a próxima 2ª feira (05.dez).

A região Sul do país é a que concentra o maior número de regiões com o alerta vermelho do Inmet. Com mais de 60 milímetros de chuva previstos, por hora, nos próximos dias, o litoral do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul apresenta, de acordo com o Instituto, fortes riscos de incidentes graves, como o deslizamento de encostas e grandes alagamentos.

O alerta ocorre poucos dias após um grande deslizamento na BR-376, no litoral paranaense, soterrar 10 carros e e 6 carretas. Até o momento, 6 pessoas foram resgatadas com vida e 2 mortes, confirmadas. Equipes do Corpo de Bombeiros atuam na região desde o incidente na 2ª feira (28.nov); pelo menos 30 pessoas seguem desaparecidas.

De acordo com a Defesa Civil do Paraná, 1.081 pessoas foram afetadas pelo temporal que atingiu o litoral do estado e a região metropolitana de Curitiba; destas 561 ficaram desalojadas ou desabrigadas. Mais de 122 casas foram danificadas.

+ Buscas continuam e há risco de novos deslizamentos na BR-376, no PR

Em Santa Catarina, o número de desabrigados chegou a 180 e, de desalojados, 13. Nos últimos dias, 8 municípios catarinenses decretaram emergência.

Já na região Sudeste, a situação mais crítica é em Minas Gerais. Segundo o governo do estado, 4.181 mineiros já tiveram que deixar suas casas devido à chuva – e muitos permanecem desabrigados. Prefeitos de 39 municípios também decretaram emergência. Nas cidades de Bom Jesus do Galho e Piraúba, 2 pessoas morreram.

Alertas por todo o Brasil

No balanço divulgado nesta 4ª feira, o Inmet indica 23 unidades da federação com áreas em alerta laranja, isto é, quando há risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e descargas elétricas.

Estão sob alerta os estados de Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato grosso, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Roraima, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins.

**Com informações da Agência Brasil

Brasil
por: Karyn Souza


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



Rádio Raman

As melhores nacionais e Internacionais!

Faixa Atual

Título

Artista

Background